Psicofármacos / Antipsicótico
Voltar |
Clorpromaz

O que é a para que serve ?
O clorpromaz é a clorpromazina, um antipsicótico do grupo das fenotiazinas. Sua principal finalidade é o tratamento dos sintomas psicóticos, podendo também ser usado para evitar vômitos e mesmo como anti-hipertensivo quando administrado pela veia.

Principais efeitos colaterais
Tonteiras ao levantar-se (hipotensão postural) principalmente nos idosos. Inquietação, dificuldade de ficar parado: muitos pacientes manifestam isso com movimentos de marcha sem sair do lugar. Prisão de ventre, alterações menstruais, galactorréia (escorrimento mamário), sedação.

Como é usado ?
Os adultos podem tomar entre 50 e 800mg por dia, dependendo dos efeitos colaterais e dos benefícios obtidos. Crianças a partir de 6 meses podem tomar com segurança esta medicação: a dose recomendada nesta fase é de 0,5 a 1mg/Kg de peso, 3 a 4 vezes ao dia. A distribuição da dose ao longo do dia ajuda a minimizar os efeitos colaterais e a evitá-los de forma estratégica. Por exemplo, quem tem sonolência a dose deve ser concentrada a noite. Não é recomendado o uso de medicações anticolinérgicas para compensar os efeitos colaterais motores, embora isto não seja proibido.

Considerações importantes
Pacientes com hipotensão arterial ou arritmias cardíacas devem evitar essa medicação. Da mesma forma pacientes com a função do fígado prejudicada ou com dificuldade para urinar. Não há relatos de má formação fetal em pacientes que fizeram uso dessa medicação, contudo deve-se evitar seu uso no primeiro trimestre da gestação

Última Atualização: 24-07-2005
Ref. Bibliograf.:

Clinical Evaluation of Psychotropic Drugs 1994
Robert Prien